Os presidentes do Asilo, Célio Montagnini, e da Festa do Chopp, Felipe Laudade, falam das expectativas para a noite festiva no Estação 33

60
0
COMPARTILHAR

 

Guaranésia:- No sábado 06 de outubro aconteceu a entrevista com o atual presidente do Asilo São Vicente de Paulo, Célio Montagnini, e com o presidente da Festa do Chopp, Felipe Laudade.

O bate papo foi de aproximadamente 30 minutos, onde os dois entrevistados discorreram sobre a Festa do Chopp que acontecerá no dia 03 de novembro. A matéria foi concedida no Programa Expresso da Pássaro da Ilha, que tem sob direção Antônio Claudio de Melo.

Inicialmente Felipe comentou que não encontrou tanta dificuldade na organização da festa, pois já está acostumado com o mundo artístico. Explanou que a festa terá início ás 22h00mim e contará com as seguintes atrações: abertura com a sambista Iolanda de Paula, da cidade de Ribeirão Preto, depois vem a Banda Sr. Jota, que toca todos os estilos musicais, encerrando a noite a Dj Milena Resende. O limite de público do evento está estipulado em torno de 450 pessoas, o valor do ingresso é de R$180,00 (Cento e oitenta reais) e pode ser divido em 3 vezes no cartão.

Na sequência Célio Montagnini comentou sobre sua experiência a frente do Asilo São Vicente. Célio disse que no dia a dia aprende mais do que ensina, ”pretendo nestes dois anos de mandato melhorar o atendimento, na qualidade de vida dos assistidos”. Célio disse ainda que vislumbra conseguir mais 2.600m² de asfalto para complementar uma obra iniciada na instituição. Hoje o Lar São Vicente conta com 52 assistidos, sendo 27 homens e 25 mulheres, tem 17 funcionários para sua manutenção. O Asilo é mantido com 70% dos benefícios dos assistidos, os outros 30% são repassados a eles. Este valor não cobre as despesas, no final do mês o déficit gira em torno de 10 a 12 mil reais. O que ajuda a complementar a receita são os alugueis do Salão de Festa do Estação 33, o aluguel da torre de celular, o aluguel de um cômodo comercial, mais os eventos organizados pela Maçonaria, explicou.

Hoje o maior gasto do Asilo é com água, girando em torno de R$2.774,00 (dois mil setecentos e setenta e quatro reais) mês, levando em conta uma subvenção de R$600,00 (seiscentos reais) concedida pela Copasa/MG. A intenção dos organizadores da Festa do Chopp é que a arrecadação seja utilizada para construir um poço artesiano, hoje orçado em R$40.000,00 (Quarenta mil reais). Ao final os entrevistados convidaram aos guaranesianos e região a participar da noite festiva.

Foto/ Sandro Navarro

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Campo obrigatório