Relembrar Faz Bem | Há mais de cem anos a Loja Maçônica Fernando Osório perdia o ancião Misael Sandoval

133
0
COMPARTILHAR

 

Esta nota jornalística em 21 de setembro próximo completou 102 anos. Se trata do falecimento de Misael Sandoval, nome este de tamanha relevância onde inclusive leva o nome de Rua no centro de Guaranésia. Rua esta que passa em frente à Loja Maçônica Fernando Osório. Misael Sandoval segundo consta no registro do Monitor Mineiro é natural do Distrito de Douradinho, que Faz limites com Cordislândia, Turvolândia, Carvalhópolis e Paraguaçu, vindo ainda jovem para a antiga freguesia do Distrito Divino do Espírito Santo do Rio do Peixe, depois mais tarde Sapecado que em 1.953 virou Divinolândia/SP. Em Divinolândia contraiu matrimonio com Maria Thereza Sandoval. Inteligente, trabalhador Misael conquistou logo a confiança e simpatia dos Guaranesianos. O oficio de Sandoval era músico, que de tanto prestigio ocupou por vezes o cargo de Juiz de Paz, foi membro de Diretório político, vereador, Presidente do antigo Conselho Distrital, que depois emancipou virando a cidade de Guaranésia. Sandoval foi também coletor Estadual e Federal de Impostos, onde exerceu por longo tempo com rigor sua função. Foi um dos fundadores da Loja Maçônica Fernando Osório ocupando por vários anos o cargo de Venerável, foi membro honorário da Sociedade italiana Príncipe di Napoli. Enviuvou em 1910, contraindo novo matrimonio em 1913 com Odília de Paiva, filha do capitão Evaristo Herculano de Paiva, sobrinha do educador Major Américo Benicio de Paiva. Ficou padrasto de Urias Belarmino, primeiro Prefeito de Guaranésia em 1.902. Já doente Misael Sandoval depois de um ano de sofrimento veio a falecer. Seu sepultamento aconteceu ás 17h: 00mim do dia 21 de setembro de 1.916. Ao ato fúnebre compareceu em peso, os membros da Maçonaria local, Chefe do Executivo na pessoa de Aramim de Almeida, Destacamento Militar afim de prestar as últimas homenagens devidas, a sua patente de Oficial da Guarda Nacional.

Fonte: David Franco da Silva
ESPAÇO MEMÓRIA.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Campo obrigatório